quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

A pornografia!

| No comment
ImagemMeus irmãos, hoje é dia de tratarmos de um assunto sério. É...esse ai mesmo, a pornografia e o pecado em geral.
E não pense as irmãs que estou falando só dos homens. Hoje em dia, esse mal tem entrado ate mesmo dentro das igrejas. Meninas são tentadas a produzir, e homens, a consumir. Não que um dependa do outro. Tanto um, quanto o outro, estão A-FRO-TAN-DO a Santidade de Deus! Mesmo por que, antes de pensarmos no nosso modo de comparecermos à casa de Deus, devemos lembrar que nosso corpo foi comprado por um preço (ALTO!). Seu corpo não é mais seu, é do Senhor. E é SAGRADO! (1cor 3:16-17; 2 cor 5:15)
E antes de começar o nosso bate-papo eu rogo a Deus que tenha misericórdia de nós e não nos faça como fez à Uzá (2 Samuel 6:7) que profanou o que era santo e morreu pela mão do Senhor; e já agradeço a Deus porque Ele o tem feito, do contrário todos os nossos cultos seriam um grande velório.
As dicas que darei aqui, vão valer para qualquer dificuldade na sua vida, mas vou direcionar esse post aos meninos e em um próximo (parte 2, talvez) deixo um recado para as meninas sobre sensualidade de um ponto de vista masculino.

Então vamo la marmanjada, porque hoje o papo vai ser reto! Não é porque a mulherada no mundo esta querendo mostrar que você tem que querer ver! Hoje você vai ser liberto, em nome de Jesus!
Bom, não estamos aqui para julgar ninguém. Pelo contrário. Estou aqui para te ajudar. E já vou falando que a leitura dos versículos indicados é uma grande ajuda para entender. Pegue sua bíblia ai. Não me venha com bíblia online! Por favor! hehe
E se, você quer ser ajudado, o primeiro lugar que você deve vencer o seu pecado, é na mente (Rm 12:2). De que forma?

1) Conhecendo a verdade libertadora. Romanos 6 nos mostra que Cristo já nos livrou dos grilhões do pecado. Nesse capitulo, Paulo figura o pecado como um senhor, uma pessoa com um certo poderio. E nos explica que esse senhor foi derrotado na cruz. O pecado já não tem poder sobre nós, nem seus grilhões, nem seu fim: a morte. Cristo venceu por nós! O que pode acontecer é que, sem essa compreensão, você acaba voltando para a prisão, tomando as algemas do chão e se prendendo novamente (Gl 5:1). Segundo Donald Bloech, as prisões foram abaladas, os grilhões despedaçados, mas cabe a nós correr em direção a luz! Afinal, fomos libertos do domínio, e não da presença do pecado e suas tentações.

2) Sabendo que Deus é santo! Totalmente! E o grau de uma transgressão é medido pela integridade da pessoa ofendida. Deus é totalmente Santo e incorrupto. Não pense que seu “pecadinho” é irrelevante. É um pecadÃO! Todo pecado, por mais que pareça pequeno diante dos homens, para Deus Ele é enorme. Toda imoralidade sexual, prostituição, impureza, lascívia (gálatas 5:19), como o pecado em geral , que é um estado permanente em que o homem sem Jesus se encontra, é visto como uma imundícia. Lembra la no antigo testamento? O leproso era tratado como imundo! Suas chagas e feridas cheias de pus comendo o corpo o fazia o monstro da sociedade. E é essa lepra que Deus usa nas escrituras para se referir ao seu pecado. Tenebrosamente imundo!

3) Tirando da sua mente que Deus não te quer. Jesus tocou no leproso que era o ser mais impuro da época para nos mostrar que por mais imundo que seu pecado seja (como mostrado no 2º ponto), Deus está disposto a te tomar nos braços mesmo que esteja entrelaçado na mais profunda sujeira, podridão. Quando Jesus tocou o leproso (Mateus 8) suas mãos não foram contaminadas, o leproso é que ficou totalmente limpo. E não só isso. Com a palavra Jesus curou sua lepra e com um toque amoroso restaurou a dignidade daquele que vivia marginalizado e envergonhado.

4) Segundo John Piper esse tipo de pecado deixa sua mente nebulosa, e te impede de ver o Evangelho belo e pleno como Ele é, portanto é preciso lutar. Piper, entre algumas dicas, nos aconselha a vigiar nossos pensamentos. Segundo ele, temos um perido de 5 segundos para lançarmos fora um tipo de pensamento mal. Se cultivarmos tal pensamento, ele se aloja; o desejo, concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, consumado, gera a morte. (Tg 1:15).
Por isso, Piper nos aconselha a, quando vier aquele “bluetooth” do diabo, querendo compartilhar uma imagem, um vídeo, uma relação quente passada, diga firmemente em sua mente: EM nome de Jesus, NÃO! Resista! Quando Paulo fala em combater o bom combate (2tm 4:7), se não me engano esse combate, no grego é algo tipo “agonizo”, que nos da a idéia de combater com agonia mesmo! Mesmo que sua carne pulse por isso, resista na mente, mesmo em agonia! Resista, lute bravamente.

Controle seu desejo! Rejeite o pecado. Pare de cultiva-lo. Talvez isso tenha destruído a sua vida até o dia de hoje. Talvez esse pecado tenha te levado a esfriar no amor, a se tornar aquele crente carrancudo no banco; tenha te levado a esmorecer na fé. Talvez, ano após ano, você tem sido escravizado e andado cabisbaixo por causa de sua imoralidade, envergonhado sem energias. Quem sabe o seu desejo tem te escravizado e te levado a pecados de profundidade ainda maior! Até quando isso?! Não deixe isso te matar e roubar sua alegria.

Esse gigante tem afrontado os exércitos do Deus vivo! Levante-se contra ele na força do braço de Deus. Você é povo de Deus, e Deus já te ungiu pra vencer!

Em Cristo,
Paulo Vitor
Categorias :

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para comentar você pode usar sua conta Google (mesma do Orkut e do Gmail). Caso ainda não tenha uma conta Google, escolha "Nome/URL" e simplesmente coloque o seu nome. Se você não tiver um site, blog ou orkut deixe o campo "URL" em branco e manda ver!