quarta-feira, 9 de maio de 2012

O Poder Das Amizades

| No comment
Imagem
Paz em Cristo, amados.
 
Quero falar, hoje, de um canal poderoso de Deus para atuar na minha vida, as amizades.
Parece que sempre que estou naqueles momentos meio “down”, aparece algum irmão pra trocar umas ideias de Deus, e acontece algum mistério ali que me faz sair renovado!
 Um dia desses, o Kayo (OJC) me chamou pra ir pra casa dele. E a gente já tem até o lugar. É no fundinho da casa dele, do lado da piscina, à luz de algumas poucas lâmpadas. Ali sai confissões, um abre o coração pro outro, trocamos revelações da palavra que Deus nos dá, fazemos um louvorzinho e deixamos a coisa rolar. Mas o fato é que por estar cheio de provas na semana seguinte, fui deixando a conversa de lado. Até que enfim, no domingo ele me pegou pra conversar 5 minutinhos na saída da escola dominical. Acredite, isso foi o suficiente! Eu estava cheio de dúvidas a respeito da minha faculdade, e o Kayo me exortou (reanimou) de forma que eu sai animado e disposto a dar o meu melhor na faculdade! E foi nessa semana que fiz três (3) provas, das quais, duas (2) eu acho que fechei! Foi uma semana maravilhosa, fruto de uma conversa onde Deus agiu!

E esse lance das amizades é tão de Deus, que até nos momentos Tops com Deus, Deus te coloca na vida de outros para abençoar eles, e é você que sai edificado, mais do que chegou! Isso é lindo. E isso só acontece quando você tem vivencia pessoal com Deus. A partir dai, flui uma conversa abençoada, com troca de experiências reais. Não é algo automático, um versículo decorado, simplesmente. A palavra de Deus por Si só já tem efeito, mas é especial quando materializamos as escrituras e trazemos para um âmbito vivencial e acessível. “Pregue, se preciso use palavras”. João batista mesmo, só apontava pra Cristo e as pessoas seguiam a Este(Jo 1.36,37). E acho que só somos capazes de falar de algo que temos domínio. Como vou pregar, por exemplo, se não tenho uma vivência com Deus e não domino as escrituras? Se eu pegar um ateu pela frente, ele me tritura!

Este final de semana mesmo, fui muito abençoado e pude conhecer alguns amigos da minha namorada. Engraçado que não fomos no culto de sábado. Tempos atrás eu acharia isso carnal, mas ENTENDA: Culto é excencial! Mas acontece que nesse dia não eram cultos que Deus tinha pra nós. Na sexta e no sábado, saímos pela cidade dela, conversando das coisas de Deus e estive pensando...creio que a igreja era muito mais parecida com isso do que o que muitos crentes vivem hoje. Não se tratava de um compromisso que pessoas cumpriam de forma litúrgica. Se tratava de pessoas que andaram com Jesus e, fruto disso, andavam em amor, e se reunião para expressar sua adoração a Deus. Esses cultos eram muito mais longos e verdadeiros do que os nossos! Bíblia e jujum não tinham esse peso de obrigação. Não existiam templos. Existiam reuniões espontâneas de corações sedentos pela volta de Cristo! Pra não dizer que só fui à igreja domingo, sexta fomos também numa vigília naquelas igrejas do Reteté! Haha. Foi benção também.

Certa vez li a carta do imperador Juliano. Ele falava que não entendia os cristãos da época que se seguiu da morte de Jesus. Juliano dizia que eles amavam as pessoas a ponto de vender seus bens e repartirem entre si. Jejum era natural. Se viam alguém passando fome, ofereciam o prato de comida, passavam fome, mas saciavam a fome do outro. E ele segue dizendo que isso não era só entre os cristãos, mas por todos. Amavam a todos! Esse é o segundo grande mandamento (Mt 22.39). Se viam o nu, davam a própria roupa. Epa, isso me lembra algo! Um lance de, “quem tirar tua túnica, dê também a capa!” (Mt 5.39-41). Eh isso, a galera da época entendeu o que Jesus estava falando. Amar a todos sem distinção.

Cultive boas amizades, se preocupe com as pessoas, ajude-as, obedeça o mandamento de AMAR. Comece em você e sem esperar uma contrapartida. Simplesmente se doe mais. Não espere sentir desejo de amar, porque é provável que você desça a sepultura sem sentir. Nós temos um mandamento e nosso dever é obedecer. Obedecemos, depois sentimos! Deus atua em você depois e durante sua obediência. É assim que frutificamos e a alegria de Deus inunda nossa existência, servindo, amando.

Uma coisa eu sei, no meio do egoísmo que reina no nosso meio, “a coisa” não tem andado nessa linha. Um dos sinais da vinda de Jesus que vejo que tem se evidenciado é  o que Ele fala a respeito das afeições. “O amor de muitos se esfriará”
E parei para pensar. É comum vermos pessoas que só se comunicam por face, as vezes estão dentro da mesma casa, sentadas na mesma mesa, mas continuam presas a uma telinha de 10 centímetros. Isso tem matado as afeições!
Cultive amizades espirituais . Não aquelas amizades que são fruto de sua carência, aquela coisa chata. Fruto de pessoas que foram unidas por Deus e caminham em um propósito eterno, e glorifiquem a Deus através disso!

Quem sabe não faça como esses caras aqui:


http://katalage.blogspot.com.br/2007/04/jim-elliot.html  BLOG MUITO BOM!
(historia completa)
Filme: Terra Selvagem


Que chegaram a dar suas vidas por um propósito, que com certeza teve peso de eternidade. Eles não viram o fruto, mas seus nomes ecoarão na eternidade.

Em Cristo, o Redentor,
Paulo VItor
Categorias :

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para comentar você pode usar sua conta Google (mesma do Orkut e do Gmail). Caso ainda não tenha uma conta Google, escolha "Nome/URL" e simplesmente coloque o seu nome. Se você não tiver um site, blog ou orkut deixe o campo "URL" em branco e manda ver!